More Website Templates @ TemplateMonster.com - September08, 2014!
Image 1

MÉTODOS PSICANALÍTICOS

Nossa proposta é repensar a posição do analista na clínica recorrendo a Freud e a autores pós-freudianos. Teorizar a partir do que o analista vivencia e como lida com os conceitos. Ousar pensar, desenvolver hipóteses, retomando questões da técnica e estratégia na direção do tratamento. Voltar às raízes do pensamento psicanalítico, percorrendo o caminho da criação dos conceitos, no sentido de modificar a psicanálise, reestruturando o texto e a própria prática.

Curso: As duas dimensões da clínica psicanalítica: sintoma e fantasia/a posição do analista

Os textos básicos de Freud sobre a técnica analítica servirão de base para situar a condução clínica dos pedidos de tratamento endereçados aos analistas. O seminário abordará questões fundamentais, tais como: interpretação, os aspectos da transferência, o início do tratamento, o sentido do sintoma, a repetição, o lugar do analista, a construção, o ato analítico. Tem como objetivo a transmissão da psicanálise (considerando a vertente da ética e do desejo) visando o trabalho clínico na estrutura neurótica.

Professoras:

  • Eliane Mussel da Silva


Curso: A escuta analítica

A “escuta analítica” se dedica à teoria da técnica. Procura responder à pergunta: “O que se faz quando se faz análise?”. Para isso, toma como fundamento de estudo o Seminário 1, de Lacan (1953-54) Os escritos técnicos de Freud em toda a sua extensão, entremeado com os textos freudianos que lhe dão sustentação. Esse seminário é desenvolvido tendo como pano de fundo o “nó borromeu”, estrutura topológica desenvolvida por Lacan, que possibilita localizar os lugares lógicos dos fenômenos clínicos estudados.

Professora:

  • Maria Pompéia Gomes Pires


Curso: A transferência

A transferência (Die Übertragung). Transferência em Freud. Transferência em Lacan entendida como “a atualização (la mise en acte) da realidade do inconsciente”, sendo essa realidade sexual. O manejo da transferência como fio condutor da análise. A relação analítica como produtora, via transferência, do inconsciente. As elaborações de Lacan em torno do eixo do saber – o sujeito suposto ao saber – que culminam nas formulações de desejo do analista e do objeto a, causa do desejo, do qual o analista faz semblante. Outras leituras da transferência a partir de outras escolas de psicanálise. Repercussões e diferenças teórico-clínicas em consequência das diversas abordagens da transferência.

Professor:

  • Paulo Roberto Ceccarelli


Curso: A construção do fantasma na direção da cura

Na direção da cura, nossos pacientes percorrem necessariamente um trajeto através de uma complexa rede, constituída por tudo aquilo que está implicado nos conceitos de sujeito do inconsciente, desejo (objeto causa de desejo) e gozo. Nesse percurso, na transferência, através do simbólico, dão conta do que irrompe do real, recobrindo-o com o tecido do imaginário. Freud usou o termo “fantasia” para se referir àquilo de que se constitui o palco onde o imaginário se encena. Lacan, a partir do conceito freudiano, desenvolveu a referência ao“fantasma” como resposta particular de cada sujeito, no ponto em que incide a falta estrutural. Pretendemos avançar no estudo desses conceitos, por sua implicação direta na direção do tratamento analítico.

Professora:

  • Maria de Lourdes Elias Pinheiro


Curso: A experiência psicanalítica: o sujeito da psicanálise

Pretendemos trabalhar a questão do sujeito de Freud a Lacan, considerando os diversos momentos da clínica psicanalítica. Recorrer aos textos numa perspectiva de abertura para uma clínica da contingência, aprofundando questões básicas na obra de Freud e Lacan referentes ao ato de psicanalisar, buscando uma ampliação do singular que marca, por excelência, um trabalho dentro da disjunção e da enunciação. Criticar e perpassar a metodologia freudiana para prosseguir até as duas clínicas do ensino de Lacan, enfatizando fundamentalmente a interlocução entre os dois autores e sua relevância e aplicabilidade para a psicanálise, numa constante reinvenção da nossa prática.

Professora:

  • Maria Angela Assis Dayrell


Seminários do CPMG


Introdução à Teoria Psicanalítica Introdução à Clínica Psicanalítica Seminários Suplementares Seminário com Professor Convidado
Introdução à Formação Psicanalítica Métodos Psicanalíticos Saiba mais... Saiba mais...
Psicopatologia Casos Clínicos de Freud e Lacan
Conceitos Fundamentais
Siga-nos